VENDAS PRIVADAS | ATÉ 30% COMVENDAS PRIVADAS | ATÉ 30% COM
TERMINA EM
00
00
HORA
00
MIN.
00
SEG.

O que procura?

Filtrar por

Acabementos

Material

Sala

Preço

Dimensões

  • Comprimento

    Largura

    Altura

Categoria

Produtos

Ordenar por:

Produtos

Filtrar
Ordenar por:
STORIES

new in

Por amor à arte: Nova colecção de cerâmica artesanal

Ouça esta história

Um olhar sobre o passado com foco no presente. Embora possa parecer contraditório, essa é a essência da nova colecção de cerâmica artesanal de Hannun: vanguardista e tradicional ao mesmo tempo.

A cerâmica decorou as nossas casas durante séculos, mas a arte da cerâmica não parou de evoluir, modernizando as suas formas para se adaptar às tendências de cada época.

Em Hannun estamos de novo a virar a roda do oleiro para dar forma à nossa nova colecção de vasos de cerâmica e louça de mesa. Fazemo-lo com Paula e José, fundadores da TIERRA, uma oficina de cerâmica situada no coração de Gràcia (Barcelona) de onde organizam diferentes oficinas e cursos sobre esta arte ancestral.

O seu é puro amor pelo artesanato. Numa procura constante de novas texturas, cores e formas, ambas dão vida a produtos únicos concebidos para uso diário mas sem esquecer o seu poder decorativo. Como são feitas à mão, as peças apresentam pequenas diferenças que as tornam únicas. Não há duas iguais!

Nas suas criações utilizam diferentes variedades de pastas cozidas a alta temperatura e uma vasta gama de esmaltes formulados por eles próprios, com cores e acabamentos exclusivos.

Uma colecção irrepetível

Nenhum outro material combina melhor funcionalidade e beleza do que a cerâmica. É um material altamente resistente, fácil de limpar e mesmo resistente ao fogo.

Optar pela cerâmica em casa não prejudica o ambiente. A sua produção é totalmente sustentável por ser um material orgânico e natural: é apenas feita de lama ou barro e água.

A colecção TIERRA é constituída por vários vasos e dois conjuntos de louça de mesa. Há desenhos para todos os gostos: desde a arrojada explosão de cor do vaso Nandu, o vaso Vitor e o conjunto de loiça Lina; passando pela simplicidade cativante do vaso Enol ou do conjunto de loiça Oyoze; a originalidade do vaso Llara e do vaso Casiu; até às linhas sinuosas e arredondadas do vaso Selmo e do vaso Xandru. Qual deles é o seu favorito?


Deixar um comentário

Tenha em atenção que os comentários devem ser aprovados antes da sua publicação